A POLÍTICA DE COTAS COMO FORMA DE ACESSO DEMOCRÁTICO AO ENSINO SUPERIOR PÚBLICO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.32813/2179-1120.2020.v13.n2.a645

Palavras-chave:

Política Educacional. Cotas Sociais. Igualdade. Ensino Superior.

Resumo

Este estudo tem como principal objetivo trazer considerações acerca da política de cotas como mecanismo de acesso democrático ao ensino superior público e ainda, inquirir sobre a igualdade de oportunidades no acesso à educação superior. Para alcançar o objetivo, utilizou-se como recurso metodológico a pesquisa bibliográfica, realizada a partir da leitura de livros e artigos científicos divulgados em meio eletrônico e, também, a leitura pormenorizada dos documentos que regulamentam as cotas: Lei nº 12.711 de 29 de agosto de 2012, Decreto nº 7.824, de 11 de outubro de 2012 e Portaria Normativa nº 18, de 11 de outubro de 2012. Ao término desse estudo, conclui-se que a política de cotas e as ações afirmativas surgiram como meio de contribuir para a igualdade de oportunidades e vêm cumprindo o proposto, na medida em que proporcionam o acesso de uma parcela de estudantes antes excluídos desse espaço de conhecimento, que é a universidade.

Referências

BRASIL. Decreto nº 7.824, de 11 de outubro de 2012. Regulamenta a Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012, que dispõe sobre o ingresso nas universidades federais e nas instituições federais de ensino técnico de nível médio. Diário Oficial da União, Brasília, 15 out. 2012b.

Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/decreto/D7824.htm. >Acesso em: 10 nov. 2016.

______. Lei nº 10.558, de 13 de novembro de 2002. Cria o Programa diversidade na universidade, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília,13 nov. 2002. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/L10558.htm> Acesso em: 10 out. 2016.

______. Lei nº 12.288, de 20 de julho de 2010. Institui o Estatuto da Igualdade Racial; altera as Leis nos 7.716, de 5 de janeiro de 1989, 9.029, de 13 de abril de 1995, 7.347, de 24 de julho de 1985, e 10.778, de 24 de novembro de 2003. Diário Oficial da União, Brasília,20 jul.2010. Disponível em:< http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2010/Lei/L12288.htm> Acesso em: 17 nov. 2016.

______. Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012. Dispõe sobre o ingresso nas universidades federais e nas instituições federais de ensino técnico de nível médio e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 29 agos. 2012a. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2012/lei/l12711.htm>. Acesso em: 10 nov. 2016.

______. Portaria Normativa nº 18, de 11 de outubro de 2012. Dispõe sobre a implementação das reservas de vagas em instituições federais de ensino de que tratam a Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012, e o Decreto nº 7.824, de 11 de outubro de 2012. Diário Oficial da União, Brasília, 15 out. 2012c. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/cotas/docs/portaria_18.pdf.> Acesso em: 12 out.2016.

______. Lei nº 13.409, de 28 de dezembro de 2016. Altera a Lei nº 12.711, de 29 de agosto de 2012. Dispõe sobre a reserva de vagas para pessoas com deficiência nos cursos técnico de nível médio e superior das instituições federais de ensino. Brasília, DF,2016. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2016/lei/L13409.htm> Acesso em: maio.2018.

______.Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Censo da Educação Superior 2018: notas estatísticas. Brasília, 2019. Disponível em: <http://download.inep.gov.br/educacao_superior/censo_superior/documentos/2019/censo_da_educacao_superior_2018-notas_estatisticas.pdf> Acesso em: fev. 2020.

_______. Decreto nº 6.096 de 25 de abril de 2007. Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais – REUNI. Brasília: Ministério da Educação, 2007. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2007/Decreto/D6096.htm>. Acesso em: maio. 2019.

________. Decreto nº 7.234 de 19 de julho de 2010.Programa Nacional de Assistência Estudantil - PNAES. Brasília, 19 de julho de 2010. Brasília: Ministério da Educação, 2010. Disponível em:< http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/decreto/d7234.htm> Acesso em: maio. 2019.

CARDOSO, C. B. Efeitos da Política de Cotas na Universidade de Brasília: Uma Análise do Rendimento e da Evasão. Dissertação (mestrado em Educação) – Universidade de Brasília/UnB, Brasília, 2008.Disponível em: < http://flacso.org.br/?publication=efeitos-da-politica-de-cotas-na-universidade-de-brasilia-uma-analise-do-rendimento-e-da-evasao > Acesso em: 16 nov.2016.

CARVALHO, J. J. A Política de Cotas No Ensino Superior. Instituto de Inclusão no ensino Superior e na Pesquisa CNPQ/Universidade de Brasília,2016.

CICONELLO, A. O desafio de eliminar o racismo no Brasil: a nova institucionalidade no combate à desigualdade racial. In: OXFAM INTERNATIONAL. (Org.). From Poverty to Power: how Active Citizens and Effective States can Change the World. Oxfam International: Londres, 2008.

FARIA, I. P.; SANTOS, Georgina. G.; MENDES, José. A.S.R. “Política de cotas para ingresso em instituições federais de ensino superior: um estudo interdisciplinar da Lei n.12.711/2012”. Disponível em: < https://revistas.unilasalle.edu.br/index.php/Dialogo/article/viewFile/2238-9024.15.4/pdf > Acesso em: 15 nov.2019.

FERREIRA, Jr., A. História da Educação Brasileira: da Colônia ao século XX / Amarilio Ferreira Jr. - São Carlos: EdUFSCar, 2010.

GUIMARÃES, A. S. A. (2002). Classes, raças e democracia. São Paulo: Editora 34.

FONSECA, J. A.L. PIMENTA, R. W. A chegada dos desiguais à escola: Novas formas de Inclusão/exclusão. Disponível em: <http://www.ucs.br/etc/conferencias/index.php/anpedsul/9anpedsul/paper/viewFile/2796/421> Acesso em: maio. 2019.

MAGNONI, M. S. “Lei de Cotas e a mídia brasileira: o que diria Lima Barreto?” Disponível em: < https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-40142016000200299 > Acesso em: 17 nov. 2016.

MENEZES, E. T.; SANTOS, T. H. dos. Verbete educação propedêutica. Dicionário Interativo da Educação Brasileira - Educabrasil. São Paulo: Midiamix, 2001. Disponível em: <https://www.educabrasil.com.br/educacao-propedeutica/>. Acesso em: set. 2019

PEREIRA, A. B.; RODRIGUES, E.; GUILHERME, R. C. “Ações Afirmativas: política de cotas raciais para o ingresso nas universidade públicas”. Textos e Contextos, Porto Alegre, v. 9, n. 2, p. 244 - 250, ago/dez. 2010. Disponível em:< http://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/fass/article/view/7621/5786>. Acesso em: 05 nov.2016.

PEREIRA, T. I. MAY, F.; GUTIERREZ, D. O acesso das classes populares ao Ensino Superior: novas políticas, antigos desafios. Revista Pedagógica, Chapecó, v.16, n.32, p. 117-140, jan./jul. 2014. Disponível em: <https://www.academia.edu/31543678/o_acesso_das_classes_populares_ao_ensino_superior._novas_pol%c3%adticas_antigos_desafios> Acesso em: nov. 2018.

Downloads

Publicado

2020-08-31