PERIFERIAS, PANDEMIA E PRECARIZAÇÃO DO TRABALHO

uma análise da realidade brasileira sob a luz de aspectos econômicos, políticos e religiosos

Autores

  • Tatiana Aparecida Cleto Oliveira Tardelli Universidade de Taubaté
  • Elisa Maria Andrade Brisola Universidade de Taubaté https://orcid.org/0000-0002-9571-0923
  • Angela Michele Suave Universidade de Taubaté

DOI:

https://doi.org/10.32813/2179-1120.2020.v13.n2.a661

Palavras-chave:

Periferias, Pandemia, Precarização do Trabalho

Biografia do Autor

Elisa Maria Andrade Brisola, Universidade de Taubaté

Possuo graduação em Serviço Social pela Universidade do Vale do Paraíba (1984); mestrado e doutorado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1996 e 2003 respectivamente). Atualmente sou professora assistente da Universidade de Taubaté. Tenho experiência na área de assistência social e saúde e um forte compromisso com a formação profissional. Na UNITAU coordeno um Projeto de Extensão " Assessoria à Implementação do SUAS nos municípios do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira". Atuo no ensino no curso de Serviço Social da Universidade de Taubaté. Na pesquisa, coordenando o Núcleo de Estudos e Pesquisas em Políticas Sociais - NEPSS. Atualmente, componho o corpo permanente do Mestrado Interdisciplinar "Desenvolvimento Humano: políticas sociais e Formação" da Universidade de Taubaté, ministrando aulas e orientando alunos. Também coordeno o curso de especialização "Política Social e Trabalho Social com famílias".

Angela Michele Suave, Universidade de Taubaté

Possui graduação em Serviço Social pela Universidade do Vale do Paraíba (2002), mestrado em Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2009) e doutorado em Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2016). Atualmente é professor assistente da Universidade de Taubaté no Departamento de Serviço Social e no Programa de Mestrado em Desenvolvimento Humano. Tem experiência na área de Serviço Social, atuando principalmente nos seguintes temas: serviço social, movimentos sociais, política social, direitos sociais e famílias. Trabalhou como assistente social em projeto interdisciplinar, envolvendo as áreas da Assistência Social, Educação e de Saúde para o atendimento de famílias com crianças e adolescentes vítimas de violência doméstica. Coordenou e participou de projetos de extensão nas áreas da Educação, Direito Social e Assistência Social. Participa como professora nos cursos de Instrumentalidade Profissional em Serviço Social e de Intervenção com Famílias na área da Psicologia. Presta assessoria científica à Revista Políticas Sociais da Universidade Federal do Maranhão.

Referências

Não há referências por se tratar de uma entrevista.

Downloads

Publicado

2020-08-31