ANÁLISE DE PRODUTOS EDUCACIONAIS ELABORADOS NO MESTRADO PROFISSIONAL EM ENSINO DE CIÊNCIAS EXATAS DA UFSCar E NO MESTRADO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA DA UFOP

  • Bruno Castro Universidade Federal de São Carlos
  • Paulo Oliveira Universidade Federal de São Carlos
  • Douglas Tinti Universidade Federal de Ouro Preto - Departamento de Educação Matemática (DEEMA) http://orcid.org/0000-0001-8332-5414
Palavras-chave: Mestrados Profissionais, Produto Educacional, Educação Matemática, Ensino de Ciências Exatas.

Resumo

Este artigo tem por objetivo apresentar uma análise de produtos educacionais elaborados a partir das dissertações produzidas em dois Programas de Pós-Graduação na modalidade de Mestrado Profissional. Com base nos requisitos para uma pesquisa qualitativa de natureza bibliográfica, o mapeamento das produções acadêmicas da UFSCar e UFOP foi obtido pela consulta às bases de dados disponibilizadas nos respectivos sites institucionais, considerando o período de 2010 a 2017 enquanto recorte temporal. Desse modo, o corpus de análise foi composto por 75 dissertações desenvolvidas no Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas (PPGECE) da UFSCar (Campus de Sorocaba e São Carlos), especificamente da área de Matemática, conjuntamente com 95 dissertações desenvolvidas no Mestrado Profissional em Educação Matemática (PPGEDMAT) da UFOP. A análise dos produtos educacionais no programa PPGECE revelou, entre outros resultados, uma concentração de estudos no Ensino Médio com ênfase em conteúdos de função e geometria. Já a análise do PPGEDMAT evidenciou uma diversidade de temas e formatos de produtos, sendo expressiva a presença de algumas tendências da área de Educação Matemática. Contudo, concluímos que, no âmbito da gestão dos Mestrados Profissionais, seja necessário o desenvolvimento de ações constantes e articuladas, visando o diálogo e a circulação dos produtos educacionais nas escolas da Educação Básica.

Biografia do Autor

Bruno Castro, Universidade Federal de São Carlos
Mestre em Ensino de Ciências Exatas
Paulo Oliveira, Universidade Federal de São Carlos
Professor do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências Exatas da Universidade Federal de São Carlos.
Douglas Tinti, Universidade Federal de Ouro Preto - Departamento de Educação Matemática (DEEMA)
Doutor em Educação Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP), com período sanduíche na Universidade de Sevilha/Espanha. Mestre em Educação Matemática pela PUC/SP. Especialista em Estatística Aplicada e Licenciado em Matemática e pela Universidade Metodista de São Paulo. É professor do Departamento de Educação Matemática (DEEMA) da Universidade Federal de Ouro Preto.

Referências

BISOGNIN, E. Produtos educacionais: análise da produção do Mestrado Profissional em Ensino de Física e de Matemática do Centro Universitário Franciscano de Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil. Polyphonía, UFG, v. 24, n.2, pp. 269-284, jul./dez., 2013.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Portaria nº 080, de 16 de dezembro de 1998. Dispõe sobre o reconhecimento dos mestrados profissionais e dá outras providências Diário Oficial da União, Brasília, p. 14, 11 jan. 1999. Seção 1. Disponível em: <https://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/Portaria_CAPES_080_1998.pdf>. Acesso em: 3 dez. 2018.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Portaria nº 083, de 6 de junho de 2011. Diário Oficial da União, Brasília, p. 12, 11 jun. 2011. Seção 1. Disponível em: <https://www.capes.gov.br/images/stories/download/avaliacao/avaliacao-n/Portaria-capes-83-2011.pdf>. Acesso em: 3 dez. 2018.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Portaria nº 389, de 23 de março de 2017. Dispõe sobre o mestrado e doutorado profissional no âmbito da pós-graduação stricto sensu. Diário Oficial da União, Brasília, p. 61, 14 mar. 2017. Seção 1. Disponível em: <http://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/24032017-PORTARIA-No-389-DE-23-DE-MARCO-DE-2017.pdf>. Acesso em: 3 dez. 2018.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Portaria nº 131, de 28 de junho de 2017. Dispõe sobre o mestrado e doutorado profissional. Diário Oficial da União, Brasília, p. 17, 30 jun. 2017. Seção 1. Disponível em: <https://capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/30062017-portaria-131-2017.pdf>. Acesso em: 3 dez. 2018.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Portaria nº 252, de 14 de novembro de 2018. Diário Oficial da União, Brasília, p. 8, 19 nov. 2018. Seção 2. Disponível em: <http://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/19112018_PORTARIAS_N%C2%BA_252_E_253_DE_14_DE_NOVEMBRO_DE_2018.pdf >. Acesso em: 3 dez. 2018.

CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Relatório da Avaliação Quadrienal 2013-2016: Área de Ensino. Brasília, DF. 2017. 102 f. Disponível em: <https://capes.gov.br/images/stories/download/avaliacao/relatorios-finais-quadrienal-2017/20122017-ENSINO-quadrienal.pdf> Acesso em: 3 dez. 2018.

KUSUKI, L.R.; OLIVEIRA, P.C. Geoespaço: um material manipulativo para o planejamento de tarefas de representação figural no Ensino Médio. Boletim Online de Educação Matemática, Joinville, v. 6, p. 37-57, 2018.

PILATTI, L.A. et al. Mestrado profissional em Ensino de Matemática: identificação de seus produtos educacionais. Revista Brasileira de Pós-Graduação, Brasília, v.12, n.28, p.335 - 356, 2015.

REBEQUE, P.V.; OSTERMANN, F.; VISEU, S. Os Mestrados Profissionais em Ensino de Ciências e Matemática no Brasil: um tema pouco explorado na literatura. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, Ponta Grossa, v.10, n.2, pp. 1-21, mai./ago, 2017.

SILVA, M.G.L.; ARAÚJO, M.F.F.; NORONHA, C.A. O estado da arte do Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática da UFRN a partir das dissertações e perfil dos egressos. In: Congresso Internacional sobre Investigación em Didáctica de las Ciencias, 9, 2013, pp.1915-1919. Girona: ES, 2013. Disponível em: <https://core.ac.uk/download/pdf/38988512.pdf> Acesso em: 07 dez 2018.

Publicado
2019-08-31